Cirurgia das Glândulas Salivares

Cirurgia das Glândulas Salivares

Existe uma série de doenças em que a cirurgia das glândulas salivares pode ser necessária como tratamento. Algumas delas são os tumores malignos, os cistos e até mesmo os cálculos constituídos de cálcio. Em suma, a função das glândulas salivares é a produção e a secreção da saliva para a cavidade oral, auxiliando no processo de digestão.

Nos três casos citados, a cirurgia das glândulas salivares é o prognóstico mais comum. O tipo da cirurgia pode variar de acordo com a glândula salivar que foi afetada, o tipo e desenvolvimento do tumor.

Solicite o agendamento da sua consulta com o Dr. Rafael

Como funciona a cirurgia das glândulas salivares?

A cirurgia das glândulas salivares é considerada rápida e tranquila. É possível que seja realizada com apenas um dia de internação. É realizada em um hospital e necessidade de anestesia geral.

Em caso de câncer, é preciso ficar atento aos sinais:

  • dificuldade de abrir a boca completamente;
  • formigamento no rosto;
  • sensação de fraqueza em um lado do rosto;
  • dificuldade para engolir;
  • dor constante em um lado da boca;
  • inchaço ou nódulo na boca.

Já quando o assunto são os cálculos ou pedras nas glândulas salivares, os sintomas mais comuns são:

  • dor no rosto, boca e pescoço que se agrava na hora da alimentação;
  • dificuldade para engolir;
  • boca seca;
  • mau gosto na boca;
  • vermelhidão.

Ela ocorre devido ao entupimento dos canais que levam a sua saliva até a região bucal.

Pós-operatório da cirurgia das glândulas salivares

Depois da cirurgia das glândulas salivares o paciente fica internado por cerca de 24 horas. Desta maneira, pode-se ficar atento para possíveis complicações.

  • paresia ou paralisia. Podem ocorrer disfunções temporárias ou definitivas nos nervos do rosto, comprometendo os movimentos dos músculos faciais;
  • febre;
  • dor;
  • fístulas. São lesões que formam um tipo de passagem ou comunicação anormal entre dois órgãos do corpo humano. No caso da cirurgia das glândulas salivares, costuma acontecer entre a glândula e a pele;
  • hemorragia, apesar de ser bastante rara neste tipo de procedimento;
  • edema.

O profissional responsável pela realização da cirurgia das glândulas salivares é o cirurgião de cabeça e pescoço.

Confira outros serviços!

Cirurgia de câncer da laringe

Cirurgia de câncer da faringe

Cirurgia dos tumores de seios paranasais

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *